Departamento de Urologia da SMCC orienta sobre combate ao câncer de próstata

No Novembro Azul, mês escolhido para falar sobre prevenção ao câncer nos homens, principalmente o câncer de próstata, o Coordenador do Depto de Urologia da SMCC, Dr. Wagner Eduardo Matheus, orienta sobre prevenção e alimentos sugeridos para uma dieta saudável e preventiva.

Segundo o médico, não existem dados isolados de número de casos na região de Campinas, mas de acordo com dados do INCA, no Brasil, as estimativas para 2018 são de 68 mil novos casos, no fechamento do balanço deste ano. Sendo aproximadamente 66 casos novos para cada 100 mil homens. Ainda no Brasil, nesse ano de 2018, e, especificamente, em São Paulo, serão 60 casos novos.

A incidência desse tipo de câncer cresceu de 2017 para 2018. A estimativa em 2016 era de 61 mil casos novos, em 2018, passou para 68 mil casos novos.

Com a campanha do Novembro Azul aumentaram os números de consultas e consequentemente o diagnóstico e tratamento desse tipo de câncer.

“Sim! A população tem obtido mais informações e procurado mais o médico para exames de rotina, exame de toque retal e PSA, que são os exames mais importantes para detecção precoce do tumor e próstata”, comentou o médico.

Prevenção

O Departamento de Urologia da SMCC orienta: Todos os homens a partir de ​50 anos de idade devem procurar um médico. Já homens negros ou / e com história de câncer de próstata na família devem procurar Urologista mais cedo, a partir dos 45 anos de idade.

A principal causa é genética ou por causa hereditária, porém, populações ocidentais apresentam maiores taxas de incidência que podem estra relacionadas à hábitos alimentares, dentre esses o consumo maior de proteinas animais: carnes, ovos, leite e derivados.

Alguns estudos sugerem que proteínas vegetais podem proteger do câncer de próstata, principalmente, grãos, soja, ervilha, grão de bico, ervilhas, etc….por isso, a recomendação de uma alimentação saudável e preventiva para homens com idades próximas aos 40 e 50 anos.